5 Dicas para fotografar crianças

bebe fotografia dicas 0091

1 – Espontaneidade

Aproveite a curiosidade natural das crianças. Crie ambientes novos e irá descobrir novas expressões, sorrisos e olhares. As crianças podem ficar facilmente aborrecidas  por isso evite chamar muito a atenção da criança para a máquina fotográfica, capte antes a espontaneidade da descoberta.

bebe fotografia dicas 0091

 

2 – Iluminação

 

Tente fotografar as crianças com luz natural.
Quando essa iluminação não for suficiente use luz contínua ou no máximo um flash rebatido, evite o uso de flash direto.

3 – Energia

Um fotógrafo de crianças tem de ter uma grande elasticidade e não pode ter medo de se sujar.
As crianças têm muita energia e algumas das melhores fotos surgem quando elas se estão a divertir. O fotógrafo tem de acompanhar o seu pequeno modelo com a máquina na mão e ser seu cúmplice na brincadeira. Adoro quando os pais das crianças me dizem que elas se divertiram e que perguntam quando será a nova sessão.

bebe fotografia dicas 0092

4 – Uma nova perspectiva

Explore novos ângulos ao tirar uma fotografia. Muita literatura especializada refere que a posição certa para fotografar crianças é ficar na mesma altura delas, mas fotografias tiradas de um ângulo ligeiramente superior conseguem sorrisos e olhares mais naturais, pois é assim que as crianças veem o mundo.

5 – Fotografe com o coração

A dica mais valiosa que posso dar para quem fotografa crianças é fazer tudo com muito amor e carinho.
A fotografia infantil é mais do que técnica e equipamentos, temos de perceber cada criança como um ser individual e seguir a sessão fotográfica de acordo com os tempos e disposição de cada um.
Ao fazermos isto, com toda a certeza, teremos a possibilidade de captar a verdadeira essência de cada criança.
bebe fotografia dicas 0093

assinatura monica almeida f

www.monicadealmeidafotografia.com
www.facebook.com/monicadealmeidafotografia

 

Tags from the story
Written By
More from

Água com açúcar serve como analgésico para bebés

 Pesquisadores da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) acabam de descobrir a...
Read More

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *