Estudo recomenda que grávidas tomem suplementos de vitamina D

Tomar suplementos de vitamina D durante a gravidez pode impedir partos prematuros e infecções, de acordo com um estudo apresentado neste domingo (2) no encontro anual das Sociedades Acadêmicas de Pediatria, em Vancouver, no Canadá. Estudos recentes têm demonstrado que a deficiência de vitamina D durante a gravidez é um grave problema de saúde pública.

Segundo Carol L. Wagner, uma das autoras do estudo e pesquisadora da Universidade da Carolina do Sul (Estados Unidos), nas décadas de 50 e 60 as pessoas acreditavam que a vitamina D poderia causar defeitos no nascimento. Mas estudos provaram que a vitamina D é importante para a saúde da mãe e do bebê, contribuindo com a saúde óssea e com a imunidade.

A vitamina D não está muito presente na alimentação habitual: está contida no fígado dos peixes e no bacalhau. Mas a principal fonte é a exposição ao Sol, que permite a pele de produzi-la. Porém, isso não garante as quantidades necessárias da vitamina, por isso o estudo recomenda o uso dos suplementos vitamínicos para as gestantes.

– A dieta não fornece a quantidade suficiente de vitamina D, além disso, nós não nos expomos ao sol tanto quanto precisamos.

Os pesquisadores também analisaram os efeitos da vitamina D em complicações durante a gravidez, diabetes gestacional, infecções, parto prematuro e nascimento.

– O estudo mostrou que as mulheres que consumiram vitamina D tiveram menores taxas de parto prematuro e nascimento prematuro, além de taxas mais baixas de infecção.

in noticias.r7.com

Written By
More from

Estudo português sobre amamentação premiado

Um estudo português com o tema “Os benefícios da correcção à “pega”...
Read More

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *