Actualidades

Gang ataca 200 crianças

Gang ataca 200 crianças
do Bebé

As pedras atiradas contra os vidros da porta de entrada da escola de Gualtar, por sorte, não atingiram ninguém. Mas, segundo o coordenador do mini-basquetebol do Sporting de Braga, Mário Batista, foram cerca de 45 minutos “assustadores”!
O ataque à pedrada foi entre a 1 e as 2,20 horas da manhã.

Os treinadores das equipas que participam no II Torneio Internaional de Mini-basquetebol, que decorre em Braga com participação de 200 crianças de vários pontos do país e da Galiza, com idades entre os 6 e os 12 anos, depois de deitarem os pequenos atletas, naquela escola, vieram para o exterior trocar ideias sobre como tinha decorrido o dia.

“Três atletas nossos que tinham ido ao Pavilhão Municipal de Gualtar, ao lado da escola, to-mar banho. Eles vieram dizer-nos que estavam uns miúdos da parte de fora a pegar com eles. E alertaram que o portão se encontrava por trancar com o cadeado” — disse-nos o coordenador
Levem a chave e fechem-no — ordenou-lhes aquele coordenador.

Só que o grupo de marginais não os deixou fechar o portão. “Quando fui fechar o portão dei de caras com sete adolescentes e jovens entre os 16 e os 20. Quando deram de caras comigo fugiram” — acrescentou Mário Batista.
Disso deu conta o coordenador ao 112, pedindo a presença urgente de uma patrulha.

No entanto, os marginais regressaram, com mais jovens entre os 18 e 20 indivíduos, insultando.
Para evitar confusões, os treinadores foram para o interior das instalações, o que foi aproveitado pelo grupo gang para começar a apedrejar a escola.
Não conseguiram entrar por-que os portões já estavam trancados. Mas tentaram avançar, dividindo-se em grupos.

“Nós só éramos quatro; eles eram 20. Estávamos preocupados porque tínhamos lá 200 crianças e tínhamos medo que eles apedrejassem e partissem algum vidro da sala de aulas, acordando os miúdos. E isto durou 30 a 45 minutos, sem a polícia aparecer” — frisou Mário Batista.
Perante a presença da autoridade policial, o grupo entrou depois por um caminho muito escuro, nas traseiras da escola, refugiando-se ali.
A patrulha apanhou uns cinco ou seis indivíduos que disseram que vinham dos bares da Universidade.

in Correio do Minho

Click to add a comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Actualidades
do Bebé

More in Actualidades

fundação rui osório de castro

Workshop de Moda para Crianças do IPO de Lisboa

Mulher dá à luz a bebé ‘grávida’ de gémeos

operação nariz vermelho loja online

Operação Nariz Vermelho lança loja online

O MUNDO SECRETO DOS BEBÊS

O Mundo Secreto dos Bebês: Série mostra como pais devem agir quando bebés começam a falar

fetos de bebés em impressoras 3D

Empresa da Estónia cria “bebés” em impressoras 3D

Sangue de cordão

Sangue de cordão não é seguro de vida diz uma campanha no Brasil

bebés trocados

França indemniza famílias com bebés trocados

A Genética e fatores ambientais influenciam na evolução infantil

A Genética e factores ambientais influenciam na evolução infantil

Parceiros:
contacto: info@dobebe.com

Copyright © 2016 doBebe.com.