Incentivos de 500€

Trabalhadoras que derem à luz recebem 500 euros.A Associação para o Desenvolvimento Profissional de Miranda do Corvo, que é a entidade que mais gente emprega no concelho, vai passar a dar "um prémio de 500 euros" às trabalhadoras a quem nasça um filho.


A medida pretende afirmar-se como um incentivo à maternidade, explica o presidente da instituição de solidariedade social, Jaime Ramos, lamentando que a taxa de natalidade de 2007, em Portugal, tenha sido a mais baixa dos últimos 47 anos. "Morreram, em 2007, mais 1020 pessoas do que as que nasceram".

A ADFP, uma das instituições visitadas pelo presidente da República no seu Roteiro Contra a Exclusão, dá trabalho a 400 pessoas, das quais 250 são do sexo feminino.

O referido prémio beneficiará tanto as funcionárias dos quadros da ADFP como as deficientes que simultaneamente são utentes da instituição e trabalham nela em regime de "part-time", promete Jaime Ramos.

O responsável diz-se consciente de que o prémio é "reduzido", mas nota que é, ainda assim, "superior ao salário mínimo". "Constitui como que um 15º mês, para facilitar a vida de uma família que recebe mais um elemento".

Written By
More from

Crianças aprendem com a TV

Os programas para as idades pré-escolares são muito caros e exigem um...
Read More

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *